sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

LOBA MÁ EM: APELO


HOMENS,
NÃO USEM PÓ E NEM "BOMBA"!
Campanha da Loba Má lançada hoje

Quer coisa mais frustrante que conhecer um cara, rolar a maior atração e chegar no quarto e o cara confessar que cheirou aquela noite...
Não dá!!!! é um balde de água fria, literalmente!
Aí ele diz “mas tenta vai, só mais um pouco, ta quase!” – Puta que pariu!!!
Aí o dito cujo fica naquele “molha não molha, levanta ou não levanta”. E a Loba lá.. esperando, se esforçando pra ser ao menos um pouco feliz naquela noite.. ter uma resposta positiva.
Pronto, o cara consegui colocar.. mas parece “maria mole”, uma gelatina que hora quer congelar.. outra ser gelatina. Haja inspiração, heim?
O cara, uma delícia, um corpo divino... Ah... o recado vale também para aqueles que tomam “bomba” heim: NÃO BASTA SER GOSTOSO, TEM QUE TÁ DURO!!!!, PORRA!
Não sei como existem mulheres que ainda namoram essas criaturas, devem ser muito frustradas ou então ter outros.. amantes pra compensar... ainda se fosse um problema neurológico.. sei lá... mas não, é só uma escolha, a porcaria do pó branco que ele colocou naquele nariz.
Enfim, lindo, maravilhoso.. eu tentei.. agora me deixa dormir.. e não me toca... Eu tava cheia de expectativas.... Não quero nem olhar essa tua cara de fracassado!
Preciso descansar, porque amanhã quero comer algo saudável de verdade!
Na cama, é literalmente uma guerra: sexo X pó! Demais pra Loba Má, muito desgaste físico e emocional, por quase nada! 0 a 0.

Bom por essa e outras... resolvi criar a campanha:

Pra esse momento:





"Era uma vez um lobo mau
que resolveu jantar alguem...
(...) arriscou
e logo se estrepou..."


- Lobo Bobo -
Carlos Lyra / Ronaldo Bôscoli

sábado, 5 de dezembro de 2009

LOBA MÁ EM: "ME COME!"


Lá estava ele o “menino bonito”, lindo como sempre.. dessa vez.. um tanto mais “doido”, ou seria eu mais sóbria? Viu-me e deu um caloroso abraço, um beijo no rosto. Não parava, circulava por todas as turmas, dançava e sorria...
“menino bonito, menino bonito aiii”
Talvez tivesse animado demais, a mim me parecia um tanto indiferente... Não gostei, não gosto.. ele deveria estar me cercando... mas não... aparecia quando queria e saia da mesma forma.
Não havia ninguém mais bonito que ele na festa, naquele camarote... só de olhar era um alivio, colírio literalmente... mas indiferença me cansa.
Vou despedir-me, ele surpreende-se e diz:
- não, você não vai..
- ah.. mas eu vou sim” – respondi.
- então vou com você.
Não desgrudou nem mais um instante.
Partimos entre amigos, mais algumas bebidas, altos papos e...
Lá estava ele novamente me enlouquecendo com dedos, boca, corpo. Comi-o diversas vezes. Ele delirava... eu? Degustava, saciava a fome naquele corpo delicioso.
Ele gemia, dizia:
- vai “dá” gostoso...
- eu não dou, eu como! – respondo
- aii, me come vai, me come, me come vai!!!
Gozei diversas vezes, ele também.
Mas não sei... voltei para casa, com a sensação de “barriga vazia”. Acho que talvez porque demorou muito para chegar “aos finalmente”. Ando sem muita paciência ultimamente.
“É ou não é, quer ou não quer?” ...Jogos? só com Lobos, garoto!
E a beleza ficou pequena, apesar do menino continuar sendo o mesmo, bonito...
Vazio... (isso não é bom)
Tô passando...
O menino bonito vai pra leilão, quer?

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

LOBA MÁ EM: " Lá vem chegando o verão..."?


O Lobo Rebelde não voltou, não deu sinal de vida...
Acho que os homens não tem mais paciência para mulheres que travam na “hora H”, ainda mais sendo Lobas.
Mas enfim, Loba é assim mesmo faz o que quer e não o que querem que ela faça. Naquele dia achou melhor não comer, estava se prevenindo de algo que poderia incomodá-la no futuro...possivelmente ligações afetivas...
Loba Má tem medo de amor...
Mas enfim, a vida segue...
No dia seguinte, um rapaz que há tempos não via ressurge, marcam um encontro a princípio amigável.. boas risadas, conversas e cama.
O rapaz parece apaixonado.. a Loba apenas satisfeita... Já eram 10h da manhã quando se despedem...
Ao meio-dia quem toca a campainha da toca da loba?
O vizinho, mais bronzeado que nunca. Ela apenas enrolada num lençol... Bom... não.. precisa nem contar mais o que aconteceu né?
Satisfação dupla literalmente... No final ainda suspirou “ô vizinho de pau bem bom esse... que bom acordar assim...”
Quanto ao Lobo Rebelde... falaram pela Internet outro dia... mas a Loba tem medo dele... Afinal.. homens são homens... Lobo é outra coisa... só os Lobos conseguem tocar no coração de uma Loba....E ele é um lobo com certeza... Melhor manter distância... pois paixão pra loba é sinônimo de sofrimento por enquanto...
Ah o rapaz ligou no mesmo dia e no seguinte e seguinte... A Loba até gostou dele... mas ainda não sabe o que quer... Quando sentir fome quem sabe atende.
Mas como canta Alceu Valença...“Lá vem chegando o verão...” tempo bom de degustação...

- Acho que pra mim o verão começa na primavera - riu só de si mesma.

sábado, 21 de novembro de 2009

LOBA MÁ EM: JOGOS DE LOBOS


Os olhares voltam meia se cruzavam naquela festa de amigos. Ele não poderia ser caça, presa.. estava no círculo de amigos da Loba. Mas a situação era tentadora e a Loba não resistia em alimentar aquela troca.
Ai essa lua que me rege... – gritou internamente para si mesma.
Logo, logo deu um jeito de estar só com o rapaz.. num outro lugar, numa outra festa... Tentou imaginar que ele poderia ser só mais uma presa... mas não tinha como.. volta meia vinham os pensamentos... Loba não caça em casa... e ele fazendo parte de um certo “clã”, estava vetado qualquer atuação que partisse da Loba...mas talvez não dele... um lobo rebelde.
Será que vamos quebrar esse código, estatutos, regras? – questionou a si mesma..
Lindo e extremamente intenso em tudo na vida... não era só um corpo bonito... era também isso e muito mais...
Ela ainda não percebia o perigo...Ele não é do tipo de papo fiado, ele é um tanto intelectualizado, desafiador, intenso, extremo... muito parecido com a Loba.
Uma música boa rolando, uma boa conversa e aquele Lobo vem com tudo...
Nem a Loba Má acreditou...mas ela disse NÃO.
Um clima estranho ficou...mais música..mais papos.. A loba tava tentando aceitar a idéia de que seria um bom amigo..só não podia muito olhar nos olhos dele para não desviar esse pensamento.
Ele tava quase desistindo..jogou dizendo que logo precisava ir embora para sua casa.
Como assim? Eu já disse que ele poderia dormir lá em casa no sofá se quisesse.. agora vem com essa – pensou a loba.
Jogou bem o rapaz, ou melhor o lobo.
Provocou a loba que tem pavor de um “não”.
Não demorou muito para estarem aos beijos no meio da rua...
O problema foi o beijo...
- puta que pariu, mto bom! – pensou a loba..
Ali ela sentiu o perigo...
Bateu uma química, um algo... Ela levou ele pra casa pra satisfazer seu ego de loba...mas travou na hora de comer.
Pele, química, afinidade... ou a Loba enfarta ou se apaixona...
Desistiu...mas deixou a porta aberta...
Talvez ele volte pela noite...
Até lá a loba pensa...

BEM VINDO SOL!


Não sei se é verão chegando.. ou uma fase minha... mas os homens bronzeados estão me dando água na boca...e claro, matando a minha sede. Nesse momento não consigo imaginar nada mais lindo que um corpo bem másculo, dourado e nu ao meu lado... com o braço sobre mim. Essa vida de Loba anda muito boa ultimamente...
Esse verão realmente está me tirando do sério!!!

LOBA MÁ EM: ACORDANDO BEM!


Geralmente quando as pessoas bebem muito...
fazem certas coisas que não gostariam de recordar....
Mas dessa vez a vida foi extremamente generosa com a Loba Má.
Ela simplesmente não queria mais apagar a imagem daquele ser que acordou do lado dela.
No espelho do teto...
mais uma marca do verão.. seria surfista?
Ou simplesmente alguém que gosta de praia?
Que diferença faz – pensou...
Olha esse isso, meu Deus...
essa bundinha branca redondinha,
essas pernas grossas, esse tórax.. esse bronze...
e essa boca... esses olhos... rosto... aiii
Isso é sonho ou pesadelo?
... Não me acordem!

Pra ele, essa:








"Menino bonito
Menino bonito, ai!
Ai menino bonito
Menino bonito, ai!..."


segunda-feira, 16 de novembro de 2009

LOBA MÁ EM: TPM


Sabe aqueles dias antes de uma mulher ficar menstruada? O que alguns chamam de TPM – Tensão Pré-Menstrual. Pois nós Lobas, chamamos de TPM – Tesão Puta Merda, ou seja inevitavelmente a Loba está subindo as paredes. Qualquer homem que lhe cruze, ela olha de cima a baixo, se gostou fixa o olhar e... bom.. ataca.. pelo menos a noite.
Lá vinha o garoto sem camisa voltando da praia, um tórax definido, braços fortes, boca carnuda, cabelos pretos... era dia...E de dia loba não ataca...mas a vontade era simplesmente de montar naquele corpo, cair de quatro.
O rapaz passou e ela seguia seu trajeto...até reparou no garotinho da banca “hum ele é tá fortinho”. De repente lembrou do outro da outra banca.. E logo vinha mais um grupo de garotos sem camisas vindo da praia. Hum.. a Loba delirou...
A TPM de Loba é muito estressante, ela não poderia escolher entre tanta oferta. Juntou todos num só pensamento, numa só cama pra uma noite em que estivesse só...gozar lembrando... afinal era dia e precisava seguir o seu trajeto, objetivo... “Fantasias depois” disse para si mesma, tentando manter a linha reta...agora olhando para o chão.
Chegando onde queria..logo reparou... lá estava um moço alto, vestindo preto, blusa justa definindo os fortes ombros e braços... As costas largas, as coxas grossas, cinturinha, mãos fortes... segurando os seus cabelos e perguntando:
- o que vai querer querida?
Depois dessa, a loba ficou doente de tanta TPM reprimida.

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

PÓS APAGÃO


Pós apagão:
conversa com amigos na internet

LOBA MÁ (14:50):
oii
como foi de apagão? hehehe

AMIGO DA LOBA MÁ (14:51):

Lobaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
hauhauahuaha
Oi minha linda!
Tudo!!!
Gritei horrores:
Para! Tão pegando na minha bunda...
Aaaiii!!! Gozei!!!
hauahuahuahauhauahauha

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

LOBA MÁ EM: O VIZINHO


Era um fim de tarde quando a Loba Má cruza por aquele vizinho com olhos de mel, corpo e cor do verão...dourado. Uma conversa rápida mas ficaram de se falar a noite... o problema é que a Loba só acorda a 0h, não ouviu a campainha tocar. A Aprendiz de Loba chega empolgada com a cerveja, afinal são 2 vizinhos e não apenas um. Elas tocam a campainha e nada, eles não estão em casa. Resolvem então deixar um bilhete, a Loba Má escreve a Aprendiz deixa debaixo da porta, toca novamente a campainha e sai correndo que nem criança... calma, calma... ela ainda é aprendiz...
Naquela noite nada dos vizinhos, mas no dia seguinte.. lá estava ele mais dourado que da última vez na porta da casa da Loba.. coitado. Não sabe ele.. quem entra na toca... sai devorado!
Umas cervejinhas, um pouco de filosofia, política, cultura.. música boa. A Loba pronta para dar o “bote”, o rapaz louco por um convite...ansiando ser atacado.. mas provavelmente não esperando.. E a Aprendiz de Loba esperando o outro vizinho que não aparecia.. cansou e foi dormir. O rapaz que havia convidado a Loba Má para surfar quase dali uma hora, ia se despedindo na porta da toca.
- Será que não é melhor eu dormir aqui para poder te acordar? – perguntou
“Demorou” pensou a Loba...
- Então, porque não dorme?
O rapaz surpreso, foi logo dizendo que ia em casa e já voltava...
As Lobas conversam:
- Será que ele volta mesmo? Vá que tenha ficado com medo..hahaha – disse a Loba Má
- Claro que volta – respondeu a Aprendiz.
É ela ta aprendendo bem...
O vizinho voltou e sem camisa, mostrando a barriga tanquinho e aquela cor do verão mais linda que nunca... A Loba Má babou.... babou, lambeu, mordeu, devorou!!! A casa caiu, ela matou bem a sua fome!

terça-feira, 27 de outubro de 2009

ÁLBUM DE LOBA

Álbum de figurinhas de mãe Loba para filha Lobinha... hehehe


MARIA E JOÃO...
NO 3º MILÊNIO


Maria tem 7 anos nesse começo de 3 milênio. Ela está sentada no seu quarto com seu álbum de figurinhas. Hoje encontrou a última que lhe faltava. Cola ela no lugar e começa então a reler a versão do seu tempo de "João e Maria"... ou melhor de "Maria e João"!


Figurinha 1:

João e Maria são namorados, estão numa festinha com alguns amigos em comum outros não. Um amigo se aproxima de João e diz:
- Está vendo aquela lá, não tira os olhos de você!
- Mas ela é namorada do meu amigo...
- pois é...
João conta tudo para Maria...
- Mas que coisa né João, coitado do cara! Mas se te conheço bem, teu ego ta bem feliz!
- Pára Maria, é a mina do meu amigo, até me sinto mal... maior bruxa essa loca! Não respeita nem o cara que ela ta.

Figurinha 2:


Maria se forma já pensando em viajar. Vai tentar uma pós em outra cidade e acaba ficando quase 4 meses longe de João. Falam 3, 4 vezes por telefone e 2x no computador. Todos os dias.
Numa dessas conversas...
- João, tudo bem como foi o find aí?
- tudo bem... mas sabe a bruxa?
- que bruxa?
- a do meu amigo..
- sei...
- não parou de me olhar
- e tu?
- eu nada...mto chato essa loca me olhando. te amo e bla, bla

Figurinha 3:

Os estudos de Maria não deram certo, mas muitas outras coisas começaram a dar. Mas João já cansado de esperar..
- Maria se você não voltar agora...eu não sei não...
- mas joão surgiu uma oportunidade..
- eu sei mas...
- ok

Figurinha 4:


Maria volta...
- Olha João.. eu vou passar o verão aqui, mas eu quero voltar para lá, estou indo atrás do meu sonho, as coisas estão acontecendo...
- Eu sei Maria, te amo, te admiro e te apoio...
- Mas e nós?
- Vamos viver esses 3 meses e depois pensar...
- OK

Figurinha 5:

Maria e João estão numa festa.
- O João aquela ali, não é a tal bruxa?
- é
- percebi pelo jeito que ela te olha... mas cadê o namorado dela?
- acho que se separam
- é possível porque ela não faz nem questão de ser discreta... aliás tu andou conversando com ela?
- eu? Não
- Depois que eu for embora.. acho que essa guria vai partir pra cima de ti..
- Eu jamais ficaria com ela, ex do meu amigo de anos. Acho ridículo o que ela fez. Nunca!
Maria esquece aquela história. A noite para ela estava apenas começando, preparou “a noite” só para eles depois da festinha. Então quando estão sós num lugar romântico... João começa a chorar..
- Maria eu estou sofrendo muito que você vai embora.. etc...
Maria ainda tenta recuperar a noite do casal... mas nada... João só quer saber de chorar...falando sobre sua tristeza, sobre o quanto está sofrendo etc...

P.S: A Maria de 7 anos, dona do álbum, que acabou de colar a última figurinha, ao ler pensa:
- Ixii, será que ele mentiu sobre ter falado ou feito algo mais com a bruxa? E ta chorando por isso...


Enfim, a noite que Maria tinha preparado e estava cheia de expectativas se foi.. João só parou de chorar quando dormiu. Ela achou um exagero.. não entendia o porque de tanto choro.. justo naquele momento. Enfim...

Figurinha 7:
Maria volta e eles continuam a se falar, fazer juras de amor, dizer que ama e tal. João promete que vai visitar Maria em breve e que se o ano não der certo para ela, ele estará esperando de braços e coração aberto.
Mas então, um mês depois que Maria parte. João...
- João, eu sinto as coisas tu sabe... pode falar tu ficou com alguém ontem né?
- buá......... fiquei......... buá
- eu conheço?
- buáaaa... fi...que..ii... com...aa... bruxa!

Figurinha 8:
(O REFRÃO)

Maria pensa que aquilo não a abalaria, afinal uma hora iria acontecer... mas que nada...
- Maria, eu te amo... vou te visitar e vou estar te esperando (isso vai praticamente quase até a última figurinha... vamos classificar então como “REFRÃO”)
- João, eu não sei se posso acreditar em ti. Tu disse que jamais ficaria com a ex do teu amigo e ficou. O que tu quer eu pense de ti?
- REFRÃO e etc...

Figurinha 9:

Amigos de Maria comentam que tem visto João direto com a Bruxa.
- João, você está namorando?
- NÃO! + REFRÃO (Maria, eu te amo... vou te visitar e vou estar te esperando)
- Mas ta direto com a mesma...


Figurinha 10:


Dessa vez Maria sabia que ia ficar mal. Ela não sabia se João mentia quanto aos sentimentos dele por ela ou o que ele estaria fazendo então... Aí foi a vez a Maria começar a chorar de verdade. Passou uma semana no “Buááaa”.. até que resolveu colocar João na parede de vez
- O que é isso João?
- Ta, Maria ... to tentando te esquecer.. sei que você não vai voltar
- Tu disse que ia esperar um ano...
- Mas eu to esperando!!! Não to namorando nem nada, só to passando o tempo com uma pessoa legal que ta me fazendo bem... Mas ... REFRÃO...
- Calma aí João, tu fala em me esperar... mas pelo visto não está... uma coisa é sair e ficar e ficar.. agora direto com a mesma...
- REFRÃO
- Olha, se é pra ser assim.. acho melhor não se falar mais em “esperar” (porque ta difícil de acreditar em ti, pensou)
- REFRÃO

Figurinha 11:
Uma semana depois dessa conversa, João assume o namoro com a tal “bruxa”. Amigos de Maria aconselham ela a esquece-lo.. mas fica difícil com João dizendo se justificando e falando sempre o REFRÃO
- Maria, eu ainda te amo. O que eu tenho contigo vai ser difícil de passar. Eu não estou apaixonado nem nada, só to tentando ser feliz momentaneamente...
- Mas tu disse que ia esperar...
- Mas não foi tu que disse que não era para não falar mais esperar?...

P.S: Maria de 7 anos, dona do álbum pensou: - Era um teste, sua anta! Tu não gosta da Maria mesmo!

Figurinha 12:

Maria até nem chorou dessa vez, adoeceu. Ficou com febre. João até parece que de longe sente.
- Como você está?
- decepcionada
- entendo.. mas... eu.. t..
- cala a boca João!

Figurinha 13:


É aniversário de Maria, João liga altas horas da noite.. quando já quase não era seu aniversário.. Maria já quase dormindo não quis atender. Mas ele volta a ligar no outro dia e eles falam por um bom tempo e até conseguem dar umas risadas.
- Maria, eu te adoro!
- Adoro? Agora vai ter que falar amo até morrer, mesmo casado, com netos e tudo! Até morrer! Rss
- Amo! Amo! Amo! Ah... Maria como é bom falar contigo, me faz tão bem...
- é...
- Como eu queria estar contigo, te sentir... bla, bla
- Ta, ta bom... se eu não voltar com o Rodrigo Santoro, volto com o dono do morro daqui pra manter afastada a bruxa enquanto eu te visitar... rss
- rsss...Ai como sinto a tua falta, MINHA GURIA!!!
- “Minha guria” nada, agora tu tem a tua né?
- é..
- Então não me vem com essas...
- Mas.. eu... REFRÃO
- Cala a boca João!


Figurinha 14:

O que João não mede é quanto essas pequenas palavrinhas tocam e mexem com Maria. Ela fica desnorteada.. e parece que tudo fica dando errado. Maria não sabe se volta, se fica..

P.S: Maria de 7 anos, dona do álbum diz: até parece que o João não quer e não deixa que ela fique...

João de lá sente que Maria não ta bem, acabam falando por webcam...algo que não faziam há muito tempo. Falam de si e as mesmas besteiras de sempre. Maria pergunta se ele já disse “eu te amo” para atual namorada. Ele diz que não e continua afirmando que não está apaixonado. Mas agora olhando ele e não apenas ouvindo... percebe que há algo errado naquelas afirmações... mas não diz nada.
Maria liga para um amigo e vai com ele para uma balada. Encontra amigos, faz tantos outros como sempre. Ao final da noite, ou começo da manhã, Maria sofre um pequeno acidente... e acaba tendo que ficar alguns dias hospitalizada.

Figurinha 15:
Maria manda uma mensagem para João dizendo do seu estado e acaba desabafando para ele o quanto é difícil para ela aquele momento. O quanto ele a decepcionou por se envolver rapidamente com outra, não ter a esperado conforme o combinado e por continuar usando os mesmos termos, apelidos, frases, palavras etc.. de quando eram namorados. O quanto a sua “busca pela felicidade” estava derrubando ela...etc.
- Acho que tu tem que voltar e ficar um pouco aqui com a tua família, amigos, recarregar as energias...
- Pra que? Pra te ver com outra e sofrer mais?
- Maria, mas o que a gente pode fazer? Voltar ficar mais um tempo junto e depois tu vai querer ir para outra cidade de novo e eu vou ficar aqui sofrendo mais uma vez...

blá, blá, blá

- Ta João, e se eu voltasse agora como seria? Tu terminaria esse namoro?
- ai Maria.. já faz 5 meses..agora já envolveu família e tal..
- Sim mas e daí? Tu fica dizendo que não ta apaixonado e que ainda me ama muito. O que tem demais isso então?
- eu não estaria namorando se não tivesse apaixonado, só não te dizia porque não queria que tu sofresse...
blá, blá
- e por que então fica me dizendo "eu te amo"?
- (silêncio)...amor de amigo...
- Sabe João.... essa não é mais uma história de Bruxas...
- é de que?
- de Bruxo, tu!
Figurinha 15.1:

João ligou e ligou e ligou... mas daquele dia em diante, Maria não atendeu mais nenhuma ligação de João. Para ela, ele deixou de existir.
O feitiço quebrou-se e ela finalmente teve a certeza de que está onde deveria estar!


Fim!

---

Maria termina de ler o álbum e pensa... Cansei de figuras em miniatura.
Vira a página fechando o álbum e diz:
- Eu sou mais!! Se encontrar um João em minha vida, dou a ele um dicionário para ele entender o significado das palavras!
Maria coloca o álbum na estante E vai brincar no seu playgroud...
--




Trilhas do processo:













domingo, 20 de setembro de 2009

RESSACA

Ando sentimental demais...
O garoto ligou, queria me ver...
trazia o dvd e cozinhava,
já havia mudado de roupa,
tava com o pé na porta.
eu disse Não!
Dispensei uma refeição num sábado a noite!
....Ressaca da sexta-feira...
...Acho que sou mais do de sexta... hehehe

VIRTUAL

Esses dias um rapaz liga a cam, achei que fosse algum amigo... mas não era apenas um pênis desconhecido. Desliguei.
- Você nunca vai esquecer o que viu! - disse o rapaz
- Ixiii... meu filho já vi tantos, tu acha mesmo que vou lembrar do teu numa câmera? me poupe né!
- você nunca vai esquecer o que viu....
- você deve achar que sou virgem né?
- vai reconhecer quando sentir...
- hahaha são todos tão parecidos...... pera aí.....eu já te comi?
- não...
- ah imaginei.... só como homem inteligente... você teria sido um lapso...


tem cada um....

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

LOBA MÁ EM:


HOMEM X CÃO



Meu ex-namorado é cachorro.
Ganhei um cão (filhote).
Qual a semelhança entre eles????

Cagammmmm TUDO!!!!

sábado, 12 de setembro de 2009

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

LOBA MÁ EM:

TEMPESTADE...
O DIA EM QUE A LOBA REZOU
Um carneirinho entrou na toca da Loba, mas a Loba não conseguia devorá-lo. O bichinho tava tão assustado e inseguro além de estar passando por um aperto na chuva que era de dar pena. Mas Loba é lá de ter pena... ohh crise existencial (isso é coisa do lobo mau!!!).
Não comeu o bichinho e deixou ele lá enquanto a tempestade não passava. O problema era a fome. Toda vez que via o carneirinho pensava em devorá-lo.
A Loba começou a ficar muito mas muito irritada... já tava pensando em tocar pra fora o bichinho...
Tentou comer umas duas vezes, mas o bicho era tão esperto que a Loba sentia ate culpa em querer saciar a sua fome... que tava grande.
Foi no desespero então que pela primeira vez na vida, que a Loba Má rezou:
- Meu Deus, nunca te pedi nada porque sou má mesmo. Você bem sabe que pra santa eu to longe!!! Mas hoje peço insistentemente acaba logo com essa tempestade, antes que eu mesma me torne uma!!! Aí sim o céu vai cair!!!


hj tá assim:

terça-feira, 28 de julho de 2009

LOBA MÁ EM:

O ENCOSTO
começo simples da Loba MÁ


Admito, me tornei má por causa de um desastre de percurso. Foi cruel demais a tal separação. Digamos que sou quase uma viúva má... boa essa! É ontem vi o filme da Carlota Joaquina matando o amante jardineiro porque ele ia casar com outra...e me lembrei de toda a minha história...
Eu precisava mudar de país, meu marido não quis vir e para ele não se envolver com mais ninguém, resolvi que deveria castrá-lo. Castrei! Mas como ele poderia ainda usar as mãos, resolvi cortá-las também... Me lembrei que ainda restava a boca... aí então sem pensar muito mesmo atirei.
O problema é que depois que enterrei, veio o fantasma...
Pra ver se ele me esquecia comecei a me tornar tão má, mas tão má na esperança de que ele sumisse da minha vida....
Mas até agora nada... ta aí vagando, encosto desgraçado!

música de hj:

LOBA MASOQUISTA EM:

Não quero mais saber de você...
...pelo menos por enquanto



Ínício da madrugada...a Loba-Masoquista sozinha em seu quarto, tomada por um momento poético e de grande auto-estima, revolta com o sexo masculino resolve por no papel todos os motivos existentes para largar o relacionamento bizarro em que se meteu com um pseudo-Lobo que mora em um reino tão, tão distante...

“Tomei uma decisão. Não da mais. Esse jogo de gato e rato é desgastante. Odeio o meu papel nessa história e não quero mais interpretá-lo. O papel da chata, a que implora por migalhas de atenção, que está sempre tão disponível, que é tão dócil. Eu não sou dócil. Sou inquieta,impaciente, irritadiça e raivosa. Ser a boa menina não é pra mim. E pensar que tudo começou porque eu queria ser APAIXONANTE. Cansei! Não sou apaixonante,ok já entendi! Ou melhor, quer saber, eu sou, só não pra você.
Se o que te alucina é ser pisado, rejeitado, pagar-pau por uma merda de uma italiana, peruana ou o raio que o parta vai! VAI! MAS NÃO VOLTA!
E eu não estou falando isso pra você passar a me achar apaixonante, porque sim... agora sei que você só gosta do que não tem...to dizendo isso porque não quero mais!
Te dei o melhor da minha alma, o melhor do meu corpo e quer saber, se não gostou até hoje, não vai gostar mais!
NÃO QUERO MAIS SABER DE VOCÊ!!!”

Quatro horas depois e com alguns remédios para dormir a mais no organismo, a Loba-Masoquista manda uma mensagem de texto para o celular do indivíduo contento mais ou menos a seguinte frase:

- “EU TE AMO!! NÃO TENHO FALSAS ESPERANÇAS MAS TE AAAAMO!”

A lição que fica? Se as crises de auto-estima e até mesmo vergonha na cara dessa Loba aqui durassem metade do tempo que duram seus amores platônicos, ela pagaria muito menos micos na vida...fiquem longe dos tóxicos crianças!! E dos telefones celulares também!

LOBA MÁ EM:

PAPO DE LOBA

Na balada a Loba Má encontra uma amiga em fase de pesquisa...querendo ser loba.
- Loba Má, é bom comer o fulano?
- qual fulano?
- aquele ali
- ah ta, é bom sim, mas não ta em uma boa fase.
- e o pau?
- não lembro não...
- ixii, não deve ser grande coisa.... mas e aquele lá?
- qual?
- aquele
- ah curto e grosso
- o cara?
- não, o pau
- o cara é carinhoso, gosta de dormir abraçado...acho que procura namorada
- hum, sei...e aquele?
- aquele é perfeito!
- Porque tanta empolgação assim Loba Má??
- O cara tem pau grande e grosso, gosta de apanhar e a melhor parte: não procura no dia seguinte!
- conta mais sobre esse...
- eu tava em cima dele e ele me olhou bem nos olhos e disse “bate”.. eu até me assustei... tô com um lobo e não sei...
- e aí?
- bati né?
- e ele?
- pedia pra bater mais, mais.... e mais!
- e aí?
- ... digamos assim... tive uma “ejaculação precoce”! Mas loba que é loba quer sempre mais né?
- e ele deu conta?
- Minha amiga, ele é um lobo!! Eu que não sabia!
A loba pesquisadora pensou, pensou e disse:
- Qual o telefone desse?
- Amiga!!! Já te disse ele é um lobo!!! tu acha que eu tenho o telefone dele??
- mas e ele tem o teu?
- claro que não, sou uma loba. Ai amiga... tu vai ter que pesquisar muito ainda heim!
- Mas a Loba Masoquista passa o telefone...
- Claro! Ela é a masoquista. Loba ou Loba é alguém que vive o seu extremo. Vai pra casa e descobre qual é o teu.

domingo, 26 de julho de 2009

LOBO MAU (com crise existencial) EM:

DIREITO DE RESPOSTA: LOBO MAU?
O Lobo tava com uma fome desgraçada. Vinha num jejum de semanas, só beliscando aqui e ali, mas sem ver um bom prato fazia tempo."Acontece", pensava ele. A lua chegando, aquela vontade de se perder e uivar por aí, passou a tomar providências. Tentava reunir a matilha antes de sair à caça propriamente dita. Reuniu apenas dois guarásinhos, mas talvez fosse o suficiente, uma matilha menor é mais ágil. Saíram. Matilha desorganizada, os lobos se mordiam entre si, tropeçavam, avançavam mas presas erradas. Depois de algumas tentativas em conjunto, frustrado, resolveu abandonar a matilha e buscar as cordeirinhas já conhecidas, apesar do avançado da hora. Em cinco minutos sete torpedos foram enviados. Meia hora depois só um tinha sido respondido. Requentado mas é bom, né? Além do mais, a fome era negra."T encontro no emp, 30 min". Demorou.Ela chega complicando. Complicação desnecessária, ele não tava afim de couvert, queria ir logo pro prato principal. Babando ele avançava, "espera, come pãozinho de alho" ela recuava. Assim foi, mas ele estava faminto. "Vamo lá em casa?" e as recusas continuavam, mas mais macias, doces... "Tá na minha" pensou.Na hora do vamo vê, a cordeirinha inverte. Acabam na casa dela. Tudo bem, ainda dá. E tome pão-de-alho. "Churrasco de merda!"Empanturrado e bêbado, o sol (maldito sol) nascendo, ela dá a trava. "Não, eu ainda tô muito ligada no meu namorado" -VIADO- "Não te conheço" -MENTIRA- Mas ela tá bem se divertindo e ele sabe disso. Puto, ele uiva um muxoxo e vai embora. PUTO!Então ele percebe. Burro, podia ter sacado antes! Loba. Maldita loba. O cordeiro era ele. Sempre foi, já que na verdade o lobo não existe. Um rebanho, cordeiros em pele de lobo.

A LOBA LOUCA EM:

A LOBA LOUCA
Primeiro deixa eu me apresentar: Não uso drogas, pois já nasci sob o efeito delas, mas tenho uma queda por uísque, aí...
A festa foi indicação de uma amiga que mesmo não podendo me acompanhar disse que eu não poderia deixar de ir. Fui.
Cheguei e corri para o bar, meu lugar de refúgio quando estou deslocada.
- Uma dose de uísque, por favor.
- Água e gelo?
- Onde?
- No uísque.
Qualquer tipo de comunicação com os homens é sempre complicada, principalmente barmens.
- Puro, por favor.
Peguei o copo, me virei para a festa e lá estavam eles. Os mesmos. Os de sempre. Os comuns que se acham o máximo. Suspirei. E antes mesmo que o suspiro terminasse o primeiro apareceu.
- Oi. Tá sozinha?
Ai que vontade de gritar.
- Sim, estou.
- E o que uma gata como você está fazendo aqui sozinha?
Tive vontade de responder: “Não sou uma gata. Sou uma loba.”, mas fiquei com medo que ele me confundisse com a Alcione.
- Tentando me divertir.
- Posso te ajudar?
- Se você ficar só nas perguntas, não.
- Nossa. Você é sempre assim? Direta?
- Tchau.
Virei as costas e fui para a pista fazer aquilo que melhor sei fazer quando estou no meio deles: bancar a doida. Com o copo na mão erguida e os olhos fechados comecei a dançar. Dancei em coreografias absurdas e quando abri os olhos a pista estava fazia e quase todos me olhavam. Não dei a mínima, comecei a rir sozinha, feliz por não ser como eles. Foi quando o segundo apareceu. Meio sem jeito, mas determinado, ele foi se chegando, tentando me acompanhar nos passos. De repente, ele chegou no meu ouvido e disse: “Você parece uma loba.” Levei um susto tão grande que parei a dança imediatamente, estática, olhei bem nos olhos dele e o empurrei contra a parede tascando lhe um beijo. Procurei a orelha dele com a minha boca e mandei: “Vamos para o meu apartamento agora.”
- Mas já?
- Oi?
- Por que a pressa?
- Como “por que a pressa”? Existe alguma coisa aqui que seja melhor do que ir pra cama comigo?
- Mas a gente ainda nem se conhece.
Virei as costas e voltei para o bar.
Não sou, nem de longe, ninfomaníaca ou algo parecido, mas francamente eu seria o melhor presente que aquele sujeito teria recebido em toda a vida dele e ele queria o que? Conversar?
Sentei no bar e repeti o pedido:
- Uma dose de uíque. Puro, por favor.
Dei o primeiro gole e o cara reapareceu na minha frente.
- O que é que vocês, mulheres, querem afinal?
Passou tanta coisa pela minha cabeça, e eu sabia que nada do que eu dissesse seria entendido por ele, que pensei em, mais uma vez, virar as costas e ir embora. Mas uma loba jamais perde uma briga.
- Escuta bem, querido, porque eu não vou repetir. O que as mulheres querem pouco me importa, ok? O que eu quero é um bom sexo de qualidade e um cafuné no final. Eu não quero uma conversinha fiada depois da transa, eu não quero trocar telefone e muito menos adicionar você no orkut como garantia de um próximo encontro. E como você já deixou claro que não será capaz de atender aos meus requisitos, dê meia volta e saia da minha frente.
O barmem assisitu a tudo como uma senhora diante da novela das oito. Peguei o meu maço de cigarro e quando esta prestes a acender:
- Não pode fumar aqui dentro.
Voltei para casa com meu cigarro aceso pensando em quem me faria companhia até o amanhecer. Entrei numa dessas lojas de conveniência num posto de gasolina e comprei uma garrafa de uísque.
Beijos e até a próxima.

sábado, 25 de julho de 2009

LOBA-MASOQUISTA EM:


PRIMEIRO EU...
...DEPOIS VOCÊ

Sim, ela sempre soube que gostava de caçar os mais complicados, os mais esquivos... sua coleção não tinha presas fáceis...eram todos bichos que deram trabalho, alguns renderam anos de caça, mas de um modo geral ela se orgulhava de sua coleção. Esse assunto ainda vai render pano pra manga mas o que vamos ver agora é, que em dia de fome,uma loba não quer ter trabalho, não quer ter que ou vir lamentos, e acima de tudo...ela quer satisfação própria!
A Loba está com fome, e como uma feliz coincidência um bichinho de sua lista liga feliz para ela querendo ser devorado.
O problema surge ao decidirem o local já que os dois estão sem dinheiro, mas, o bichinho doido para ser comido fala:

- Loba, quem sabe agente da só uma volta de carro mesmo, e dentro do carro você faz sexo oral em mim e depois te deixo em casa! Assim fica bom não é?

A Loba rosna de volta, não, CLARO QUE NÃO!
- E eu como fico?
O bichinho responde como se não tivesse dito nada demais:
- Ahh, eu não tinha pensado nisso Loba!

Nessas horas que vemos, que em relacionamentos amorosos muitas vezes abrimos mão do que nos faz feliz para agradar o outro, e tudo bem, dizem que é assim que deve ser...mas por favor, quando uma Loba está com fome...primeiro Eu, depois você!

imagem em: http://www.glimboo.com/

LOBA MÁ EM:

DIA DE SURRA!!!

Eis que naquele dia a Loba Má, resolveu sair de casa... mas dessa vez não era pra comer ninguém não.... ela queria guerra, dar uma surra mesmo. Mas foi prevenida, fez amizade com o melhor advogado criminalista do país, que conhecia todos os “chefes” dos morros, bocas, máfia, corruptos, etc.
- Amigo, preciso da sua ajuda!
- Claro querida Loba
- Quero dar uma surra numa advogada, mas não quero que ela dê parte de nada.
- posso chamar alguém pra bater nela...
- não, eu mesma quero bater...
- quer ir armada?
- não, quero socar, chutar e acabar com a cara dela mesmo
- nem uma faca?
- não, não
- hum... seguranças?
- sim, pode ser... mas eu quero que ela apanhe e fique quieta mesmo
- sei...
- Quando?
- pode ser amanhã a noite...
- Ok...
Na noite seguinte, a Loba literalmente se veste para matar, de preto e vermelho. Na entrada da boate, o advogado a aguarda num carro junto com alguns homens. A Loba Má então entra na festa com dois homens altos, fortes e bonitos que começam uma conversa com a puta loira da advogada. Mais uma bebida e ela tava fácil. Não foi difícil convencê-la a dar uma voltinha... Loba Má é esperta, contratou só modelo e os vestiu muito bem. A loira foi para o carro.
De pernas cruzadas, ao lado do advogado e mais três homens, olhou bem na cara da moça e disse:
- deita
- o que? – disse a loira burra
- tu não ouviu? Deita!!!
A loira então olha para os modelinhos com quem saiu da boate e eles a fazem deitar no banco.
- E agora loba? – pergunta um deles...
- podem comer ela!
Todos ficam atônicos e a loira começa chorar....implorando pra não fazerem nada
A loba espera então a moça parar.... e diz pra ela descer do carro e correr...
A moça sai na mesma hora.... todos ficam olhando...
A loba conta...
1...
2...
3....
Ninguém é mais rápido que uma loira raivosa, principalmente uma advogada loira. Ela então corre e ataca a moça com chutes, socos. Dá tanto na cara daquela vadia ... que quando termina até consegue respirar melhor...e diz:
- Os homens que como, são só meus! Se tu vier de novo com essa buceta loira pra alguns dos meus, te mato, filha da puta.... Entendeu o recado?

Pois é... a loba má, não divide nada e tem pavor de loira! Argh!

Depois então o advogado da loba, vai até a loira....
- Você caiu putinha, se falar com a polícia, na próxima vou te dar de presente pra o chefe do morro, aí tu vai virar puta de verdade, entendeu???

Ah... como a Loba respirou melhor depois disso!
Voltou para casa tão feliz que tava mais pra chapeuzinho vermelho do que loba má... .....irreconhecível!


Imagem em: http://storage.animakut.com/1/93729e55dc97e2bce398b7bf962dde8b.gif

LOBA MÁ EM:


ALTOS E BAIXOS:
1º SESSÃO DE TORTURA DA LOBA
Ando muito próxima dos termos “ou mato ou morro” ultimamente. Há certas circunstâncias nessa vida de loba que me levam a altos e baixos...
Altos... quando penso em formas de matar e infelizmente em baixos quando sinto vontade de ir pra lua como se fosse um átomo num precipício.
Toda Loba Má tem seus probleminhas, diferentes das boas, que não se divertem pensando em cometer homicídios e sim só suicídios. Nós, más, superamos tudo mais rápido... simplesmente porque imaginar, projetar a morte de alguém é simplesmente maravilhoso.
Queria que certo alguém tomasse “pau” de uns 15 caras, depois eu mesma mijaria na cara dele. Quando voltasse a si, estaria amarrado como uma estrela e pelado...então começaria a minha tortura psicológica com... uma grande tesoura de jardim...
- ah loba, por favor nãoooo! – diria o rapaz
E as pontas da tesoura aproximariam-se da virilha, ele choraria que nem bebê, imploraria para que não lhe cortasse nenhum membro, principalmente as partes baixas.
Seria delicioso ameaçá-lo, vê-lo chorar tanto e tanto e tanto...
Quando soltasse as correntes, parecendo que tudo terminou...ele se ajoelharia beijando os meus pés, agradecendo por nada ter feito com o seu lindo e grande membro... mas aí então... meus funcionários o levariam para a próxima sessão...
Amarrado numa mesa, eu chego de chicote e facão....
Ah quanto as mulheres que este ser já comeu na vida... entregaria todas aos meus amigos lobos e as que ele amou... bom essas eu dava de presente para as lobas mesmo.
Para finalizar a tortura, deixaria o rapaz passar a noite na mesa, no teto passaria um dvd do Michael Jackson e um letreiro o tempo todo dizendo “cuidado com cú, meu amor”, já que sua bunda estaria encaixada numa espécie de patente.

Viu como é fácil imaginar?

terça-feira, 7 de julho de 2009

DESABAFO DE LOBA :


DIAS DE HOJE....

Mais engraçado nisso tudo, é que homem gosta de sofrer... Quanto mais se come, devora, maltrata... mais eles querem...
Se apaixonam....
Assim fica difícil ser Loba hoje em dia...
Nos séculos passados... eu tinha mais liberdade....
Hoje não dá deixar rastros....
Odeio o Google!

LOBA MÁ EM:


FESTA DE CELEBRIDADE

A Loba Má chega na festa e vê a primeira celebridade que lhe parece interessante.

- Seguinte, vou ser bem direta contigo: ta afim de me conhecer?
- heim?
- é sei que tu é uma celebridade e tal, mas isso não importa... só to precisando aparecer um pouco, levantar meu ego....
- vc é doida?
- ah, não entendeu oq eu disse? Vc é uma celebridade burra... como pode chegar a fama? Tchau!

Loba Má, tenta com outra.....

- oi
- oi, quer um autografo?
- odeio celebridades vaidosas, tchau

E outra.....

- boa noite
- boa noite, eu te conheço?
- ainda não
- ah ta, quer tirar uma foto comigo?
- vai pra puta q te pariu

Até que uma celebridade se aproxima....

- oi, qual seu nome?
- oi... a Caetano... é vc... me cansei de celebridades... fui
- tenho um amigo q quer te conhecer
- só me interessa se ele for famoso, quiser transar e posar pra os jornais comigo....
- é o Rodrigo Santoro
- hum.... novinho... mas Serve

Com um copo de vinho, Rodrigo Santoro se aproxima, cheio de charme..

- oi Loba
- oi Rodrigo
- ouvi muito falar em você
- é mesmo?
- sim, vc é uma celebridade
- eu? Hahahaha
- essa festa é pra vc...
- ah ta... nem sei como chegou convite na minha caixa de e-mail
- eu queria te conhecer e dei essa festa
- hã??? Mas oq vc sabe de mim?
- eu sinto que vc é o amor da minha vida!
- hahahha
- assim, vc me assusta.... mas tudo bem... vamos para as fotos com os papparazi.

2 minutos depois, a Loba....

- Pronto... agora vamos p cama... já cansei dessa festa
- já? .... vamos!

Loba Má... devora Rodrigo Santoro.... mas ele um masoquista... ainda diz:

- vc de fato é amor da minha vida...
- ah Rodrigo... só um pouquinho... meu cel...
- oi ex-namorado!
- oi ex-namorada! Que ta fazendo?
- to na cama com o Rodrigo santoro
- hahaha e eu com a Luana piovani... fala sério
- é sério... ele disse que eu sou o amor da vida dele, fez uma festa só pra me achar...
- hahahhaa ta bom
- tu não acredita né?
- claro q não
- Rodrigo, quer casar comigo?
- Claro meu amor
- escutou?
- quem é esse macho q ta do teu lado?
- o Rodrigo santoro
- hahah ta bom, deve ser um dos teu amigos gays q ta aí...
- vai pra puta q te pariu!
- hahaha tchau amore mio

Loba desliga, Rodrigo já parte para o ataque de posse... sutilmente

- Quem era, amor da minha vida?
- O amor da minha... buaaaaaaaa.... Ele jura que não sou Loba...
- Ah Loba.... não fica assim não... te faço esquecer...
- Tem mais camisinha?
- Ter.. tenho... mas...
- Mas?
- Já foram 10... tu quer mais?

Loba, levanta da cama braba....

- Amor... espera meia hora só?
- meia hora? Quer saber... não tô pronta para casar! Fui!

imagem em: http://rodelalimao.files.wordpress.com/2008/05/disco.jpg

"O QUE É O QUE É" DE LOBA!



O QUE É PIOR...
A pilha, os pilheiros ou os pilhados?

Certamente os pilhados sempre são os mais desprezíveis, sem autenticidade, adolescentes ainda buscando identidade... os famosos e famosas “Maria vai com as outras”.... totalmente infantis... o problema é quando esses tem mais de 30 anos... aí é dar pena... não tem mais conserto.

Quanto aos pilheiros, vá que um dia eles se cansem de meter tanto no cú dos outros....

Quanto a pilha, vítima dos pilheiros, se for inteligente o bastante ... deixa de ser pilha....

Resumo da história,
Seja inteligente!

Mas seja inteligente o bastante para ser um pilheiro do bem....
Pq os do mal....
Acabam virando lobos....e os e as “Maria vai com as outras” sua janta!

LOBA MÁ EM:


PÓS-SEXO

A vida de fato é engraçada, pode faltar tudo, dinheiro, amor, amigos, família, mas uma coisa nunca falta: sexo!. Basta sair de casa ou fazer um telefonema. Se tratando de sexo, sempre tem alguém disponível, inclusive eu, é claro. Eu gosto mesmo, se deitou do meu lado, vai ter que comer, caralho!
Sou bem masculina, ou melhor mega feminina, nesse sentido, como, dou, o importante é gozar.
Tirando o vazio que vem depois, do qual já to me acostumando, afinal morando sozinha, sempre rola um vazio... o resto é sexo mesmo.
Talvez eu seja atípica, até penso em casar e ter filhos... mas até lá.... meu bem....
Gosto de devorar meninos. Na verdade pouca importa o sexo, desde que me dê prazer. Nunca comi mulher, mas agora tanto faz, to fria. Quente só na cama, pra quem sente, porque pra mim, sou só eu mesmo, o prazer é meu, o outro acessório. Como já disse, sexo sem gozar, não é sexo.
Mas eu choro também, essa é a diferença, ou talvez não haja... homens também choram... é que ninguém ta acostumado a se revelar, mostrar os sentimentos.
E eu sou toda emocional na frieza ou no calor, nos afetos e desafetos... eu choro, porra!
Sofro, sou mulher, feminina, ser humano.... apesar de viver assim... do jeito que dá... eu quero de fato amar e ser amada de verdade....
Mas eu gosto de experimentar também... os possíveis amores.... vou vivendo o sexo... pq amor é dor, entrega.... tem que valer a pena....
Amo profundamente... não dá pra ser pra qualquer um.... a cama já é diferente.... se casou ali... agora tem que ser inteligente... etc... ou seja, sexo é o principio básico....
É as relações mudaram muito nos tempos de hoje....

LOBA MÁ EM:

LOBA MÁ NUMA SEGUNDA-FEIRA

Saiu de casa com um sorriso no rosto, daqueles que não quer sair. Quem cruzava com ela na rua, sorria ... devia pensar:
- De onde eu a conheço?
Quem tinha certeza que não a conhecia poderia pensar que teve orgasmos múltiplos à noite... o sorriso era constante!
Do trajeto de casa a universidade, o sorriso estava lá, e mesmo a aula acrescentava... na discussão psicanalítica que entre os temas tinha o masoquismo e sadismo. Os teóricos discursavam sobre o “desejo que deseja desejar”... etc.
Achava engraçado, quando se via com sentimentos dúbios, tentando distinguir o que é bom é ruim, certo, errado.... mas tinha a nítida percepção que o sentir é muito diferente do pensar.... por isso naquele momento e naquela discussão teórica sobre o tal organismo sem órgãos, se reconheceu nos exemplos masoquistas, mas como a sádica.
Um organismo de múltiplos corpos sem o menor desejo de se livrar dos tais “órgãos” sociais, culturais da sociedade e ainda se aproveitando deles.
Dizia que mais engraçado que o reconhecimento da própria “sombra humana”, é ver como o “circo e pão” de uma massa, podem influenciar certas pessoas e por conseqüência também o sadismo discreto e saudável de sua parte.
Dois grandes times, jogaram no dia anterior, um representava o seu passado, o outro seu presente.
Ao sair de casa, o porteiro questionou “e o time (passado)?”
Nunca pensou que o futebol fosse lhe ser tão útil.
Ele disse:
- Tomou 4 a 0!
Salve, Salve o vencedor (presente)!!!....
Que fez o que eu não precisei e não queria fazer – pensou...
E num gozo, divagou:
- Oh.. meus caros teóricos... enquanto tentam se livrar da culpa, inventando suas teorias...
Eu as assumo...
Cheia de órgãos e organismo...
Complexa demais para entender....
Livre e aproveitando-me do “circo”...
Assumo todos os meus desejos, sentimentos....
Hoje mais feliz...
Por causa do Futebol....
(Ainda bem que desse mal... não sofro!...Só desfruto!)
Assumo, sou sádica sim!
Alguém sofreu essa perda de 4 a 0. hehehe
Salve o “circo”, sua leveza e seus torcedores!
Eu prefiro ler e comer meninos!

À noite, a Loba Má não satisfeita devorou um garoto e o caçador e... um livro.
Dormiu feliz!

Ah! Corre a lenda que é a melhor amante quando apaixonada... o problema é depois... dizem que ela tem o hábito de castrar ex-amores.